Sexta-feira, 18 de Abril de 2008

...

Trechos de uma carta anónima:

 

 

                            CARTA AO CORAÇÃO

« Meu coração: eu nunca te condenarei, te criticarei ou terei vergonha das tuas palavras. Sei que és uma criança de Deus

e que Ele de guardará no meio  de uma luz radiante e amorosa.

Confio em ti, meu coração. Estou do teu lado, pedirei sempre benções nas minhas orações, pedirei sempre para que tu

Encontres a ajuda  e o apoio de que necessitas.

Confio no teu amor, coração. Confio que irás  dividir esse amor com quem merece e necessita.

Que o meu caminho seja o teu caminho e que caminhemos juntos em direcção do Espirito Santo.

E peço-te: confia em mim. Fica a saber  que te amo e que procuro dar-te e liberdade necessária para bater com alegria

No meu peito. Farei tudo o que estiver ao meu alcance para que nunca te sintas incomodado com minha presença.»


 

(foi-me enviado há algum tempo por alguém que partiu, mas cumpriu seu objectivo: tudo o que ainda pudesse fazer seria em prol dos outros. Sabia que pouco tempo ainda teria mas ansiava partilhar com todos as esperanças e a felicidade que sentia em ser tão amada por todos nos. Fecho os olhos e desejo acreditar que me vês. Beijo Princesa.)

 

 

 

 

Minha carta ao coração:

 

Obrigada Jesus por habitares o meu coração.

Só com essa certeza meu caminho tem sentido.

Aprendo todos os dias  que:

« o perdão é uma estrada de dois sentidos.

Sempre que perdoamos alguém, também estamos a perdoar a nós mesmos.

Se somos tolerantes com os outros, torna-se mais fácil aceitar nossos próprios erros.

Assim, sem culpa e sem amargura conseguimos melhorar a nossa atitude perante a vida»

 

Faz de mim um ser que não pergunte «porquê» mas que aceita o que Deus envia como

Uma missão, uma benção que um dia entenderei.

 

Obrigada Jesus por seres «meu coração»

publicado por adnirolfpa às 07:27
link do post | diz lá.... | favorito
|
15 comentários:
De Sorrisoduplo a 18 de Abril de 2008 às 08:36
Sem palavras
De Blue Eyes a 18 de Abril de 2008 às 12:44
Tocante!
De adnirolfpa a 18 de Abril de 2008 às 18:27
Ontem ao conversar com a amiga Poetaporkedeusker (no post dos cães) surgiu este tema tão doloroso. Já no outro dia uma amiga me mandou algo que falava do assunto e de repente, como quem rasga uma cicatriz mal curada, estão a surgir todas as emoções que tento guardar sobre minha Princesa. Durante algum tempo vou andar assim, nostalgica. Mas esta é triste mas saudavel, são recordações maravilhosas do ser mais Belo que conhecerei. Pena que de tão Belo ser partiu.
De Annie a 18 de Abril de 2008 às 22:23
Sem palavras mesmo... Gostei muito das suas palavras...

Beijinho*
De Café com Natas a 19 de Abril de 2008 às 01:10
Nunca me sinto só, Ele não deixa! Está sempre a avisar-me que está comigo e faz-me sentir única e amada.
Lindo o teu post
De coisasdecoracao a 19 de Abril de 2008 às 23:12
Maravilhosas estas cartas ao coração.
O nosso coração é o mais sagrado que temos...
Bjnh grande
De Frágil a 20 de Abril de 2008 às 19:11
Adorei....

este teu post inspirou-me a uma coisinha que já estou a alinhavar, gostei mesmo, parabens.


Parebens


Bêjuuuuuuu

PS: gosto do teu blog, posso linkar-te?
De adnirolfpa a 21 de Abril de 2008 às 07:35
obrigada.
Podes. é sempre bom saber-se de inspiração positiva para alguem.
Beijinho, semana abençoada.
De id a 20 de Abril de 2008 às 20:35
Linda carta ao coração

Passa pelo meu blog, tenho lá um mimiho para ti.

Uma boa semana.
Bj.
De id a 20 de Abril de 2008 às 20:35
Linda carta ao coração

Passa pelo meu blog, tenho lá um mimiho para ti.

Uma boa semana.
Bj.
De poetaporkedeusker a 20 de Abril de 2008 às 23:09
Olá Flor! Sabes, eu acredito que a tua Princesa esteja, muito feliz, a brincar com o meu Princípezinho que partiu à nascença. Ele é tão pequenino que precisa de colo. Mas que estão os dois muito bem, estão. Há tanta paz onde eles estão.
E nós vamos dar-lhes motivos para se sentirem orgulhosos de quem os trouxe ao mundo, não é verdade?
Um grande abraço para ti!
De adnirolfpa a 21 de Abril de 2008 às 07:38
O meu Anjo já era crescidinho. Sua grandiosa paixão eram as crianças..... acredito que esta com a tua criança e mais umas quanto pois seu colo era grandioso.
Beijinho
De umdiadepoisdooutro a 21 de Abril de 2008 às 10:22
Existe uma música de um cantor Country (Garth Brooks), que diz o seguinte:
"Some of God's greatest gifts
are unwansered prayers
remenber when you're talking to the Man upstairs
and because He may not answer
doesn't meam He don't cares
Some of God's greatest gfts
are unanswered prayers"

Nem sempre é fácil colocarmo-nos nas mãos de Deus, temos sempre a tendência para querermos ser nós própios a controlar tudo; a questionar tudo....
Beijinhos
De adnirolfpa a 21 de Abril de 2008 às 11:12
O maior problema é que nem sequer queremos "ouvir" as respostas que Ele tem para nós dar. Queremos sempre "ouvir" apenas o que nos dá mais geito.
Obrigada pela visita e pelo comentário.
Volte sempre.....

diz lá...

.EU

.pesquisar

 

.Dezembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.Se bem me lembro...

. Santo e Feliz Natal

. Hibernar na Primavera????

. Patrick Swayze

. com simpatia......

. um dia de cada vez...

. Tristeza......

. Confiar.....ou não.

. SANTA PASCOA

. Coisas pequenas.

. A Saga dos Nossos bichos ...

.arquivos

.tags

. todas as tags

.favoritos

. ZHANG ZEN

. *Desfile de Rosas...by Ad...

. A VIAGEM (3º Soneto da Co...

. Ave ferida

. O PALÁCIO DE SAL

. Alguém escreveu assim ......

. ... E SE EU NÃO DIGO ÁMEN...

. O Herege

. ABC Poético

. Calor Frágil...

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds