Domingo, 22 de Junho de 2008

DIA DE DOMINGO

“Não estejas longe de mim um só dia,

Porque, não sei dizê-lo, é comprido o dia,

e te estarei esperando como nas estações

quando em alguma parte dormitaram os trens.

Não te vás por uma hora porque então

nessa hora se juntam as gotas do desvelo

e talvez toda a fumaça que anda buscando a casa

venha matar ainda meu coração perdido.

Ai que não se quebrante tua silhueta na areia

Ai que não voem tuas pálpebras na ausência

Não te vás por um minuto, bem-amada,

Porque nesse momento terás ido tão longe

que eu cruzarei toda a terra perguntando

se voltarás ou se me deixarás morrendo.”

Pablo Neruda

 

 

 

publicado por adnirolfpa às 10:04
link do post | diz lá.... | favorito
|
1 comentário:
De Blue Eyes a 22 de Junho de 2008 às 12:25
Não há pior dor, que a da incerteza.

Um beijo e um bom Domingo!

diz lá...

.EU

.pesquisar

 

.Dezembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.Se bem me lembro...

. Santo e Feliz Natal

. Hibernar na Primavera????

. Patrick Swayze

. com simpatia......

. um dia de cada vez...

. Tristeza......

. Confiar.....ou não.

. SANTA PASCOA

. Coisas pequenas.

. A Saga dos Nossos bichos ...

.arquivos

.tags

. todas as tags

.favoritos

. ZHANG ZEN

. *Desfile de Rosas...by Ad...

. A VIAGEM (3º Soneto da Co...

. Ave ferida

. O PALÁCIO DE SAL

. Alguém escreveu assim ......

. ... E SE EU NÃO DIGO ÁMEN...

. O Herege

. ABC Poético

. Calor Frágil...

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds